Escolha uma palavra e deixe o Umikizu falar sobre isso...

segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

O mundo mudou...

O mundo mudou. E o novo mundo não aceita mais sacrifícios em troca de benfeitorias, para atender pedidos, para mudar sua vida. O mundo e a nossa Natureza agora estão trabalhando para que você entre em sintonia com este novo mundo, com a forma mais pura de conseguir atingir seus objetivos e de prosperar para perpetuar sua existência. Agora todos tem a mesma oportunidade e basta que cada um de nós tenha consciência de que não há mais nada que não possamos fazer.

Falamos tanto hoje em dia sobre espiritualidade e tecnologia, porém ainda não conseguimos ligar uma coisa com a outra. Apesar dessa dificuldade de conexão teórica, na prática já utilizamos as duas em grande harmonia, especialmente com a popularização da Internet que proporciona o contato entre pessoas de diversas partes do mundo com as culturas que realmente se identificam, trazendo-lhe uma porção de documentos e informações que não eram acessíveis por causa da cultura do seu país ou de sua localização. Além de tomos e dados, também a possibilidade de conversar e debater sobre suas dúvidas e dificuldades com pessoas que já entendem aquela cultura e que podem guiar o seu caminho. Este é só um exemplo, porém que fique claro: Conhecemos as culturas antigas e perdidas na Terra como os Atlantes, os Lemurianos e até mesmo os Egípcios e tantas outras culturas de povos mais jovens, os elogiamos pela sua tecnologia e pelas belas obras que deixaram para nós, pirâmides, templos, escrituras, porém não conseguimos conceber a ideia de espiritualidade através da rede mundial que é a Internet ou o uso de dispositivos tecnológicos em rituais. Esse bloqueio está na mente humana que acha que tecnologia não faz parte da Natureza. Hoje, isso é intrincado na humanidade e nas sociedades, com as devidas ressalvas, o que não é natural é ser radical.

Outra amostra de que o mundo mudou e que nós ainda não conseguimos nos adaptar é que não somos mais cobrados por sacrifícios, na realidade o real significado dos sacrifícios não existe mais. Antigamente fazia-se rituais de sacrifício para os deuses e para os espíritos da Natureza afim de conseguir suas bençãos e abrandar sua ira. Fazia-se o sacrifício de escolher um caminho mais duro, o caminho dos guerreiros por exemplo, doando sua vida para uma causa, uma batalha para proteger seu povo, seguir como eremita para encontrar-se e ter com os espíritos mais elevados e sacrificando-se com o afastamento de todos que mais ama, família, amigos e amores. Tantos eram esses sacrifícios e tão pesados eram seus fardos, que hoje não podemos mais usar essa palavra. Temos possibilidades infinitas de atingir nossos objetivos sem deixar o lar, sem ficar longe da família e dos amigos, sem ter que correr risco de vida para obtê-los. Sem também sacrifícios de outras vidas para que consigamos bençãos. Chamar um tempo dedicado aos estudos, ao trabalho, ao culto religioso ou oração e rituais de sacrifício é uma forma de torná-los mais nobres quando contados, mas hoje ele faz o serviço contrário, deixa que você sinta um peso muito maior que essas tarefas realmente tem, deixando tudo mais difícil para tornar-se um mártir no ponto de vista do seu irmão. Reflita. Torne suas tarefas abençoadas e plenas, tenha foco na sua realização com a mente no seu objetivo e deixarão de ser um sacrifício, pois são possíveis de ser realizadas, não te colocam em risco e farão muito bem ao seu espírito e ao seu futuro.

Claro que ainda existem sacrifícios no nosso mundo, ainda estamos em transição. Ainda há pessoas passando fome, sede, em situação de grande pobreza e que precisam sacrificar seu alimento para que o filho não morra de fome. Sacrificam suas vidas, seus dias e seus prazeres para manter sua família viva. Enquanto não lutarmos contra a ganância, violência e a meritocracia, enquanto não abandonarmos estilos de vida luxuriosos que não fazem diferença alguma senão para o superego e para mostrar que o seu estilo de vida não condiz com sua evolução espiritual, então ainda viveremos nesse grande desequilíbrio onde muitos tem pouco e poucos tem muito mais do que precisam.

O mundo mudou, agora é a nossa vez de acompanhar as novidades.
Crie em você as oportunidades de melhorar de vida, elimine os termos negativos que só deixam suas tarefas mais difíceis pela vontade de parecer nobre e forte, para manter um status de mártir que não condiz mais com a nossa realidade. Abrace sua evolução e mantenha-se firme para que outras pessoas aprendam com seu exemplo de que o mundo mudou para melhor. E para nossa felicidade.


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente. Há um mar de pensamentos e você pode pescar um peixe que ninguém mais conhece. Assim são as palavras no mar do Umikizu!