Escolha uma palavra e deixe o Umikizu falar sobre isso...

sábado, 27 de dezembro de 2014

Magnético...

Foto de Gal Oppido
Tem algo no corpo humano que me prende.
Os meus sentidos se prendem nas linhas, nas curvas, nos sulcos que formam desenhos e relevos na pele, nas roupas, em tudo...
É hipinótico, sensual, erótico. E ainda assim é divino! Um misto de bom e mau, já que não sabemos realmente sobre anjos e demônios, mas acreditamos que são belos e perfeitos, como os corpos podem ser. Veja que não estou falando dos deuses gregos, não. Eu estou falando sobre a beleza natural do corpo que não é construído para ser bonito, mas é bonito por natureza. Como todo corpo o é.

O corpo e seus vincos, declives e afins é sexual, voraz movimentando-se com os músculos relaxando e contraindo, atraindo o olhar como uma serpente paralisa a vítima para o bote.
Ah, isso me deixa louco! Excitado e febril com tamanha ousadia! Rebeldia dos que aceitam o corpo como é, como nasceu. Felizes ou não, mas por serem únicos e cheios de prazer.
O corpo é um dos prazeres mais intensos do planeta, completa-se um com o outro, e cabem mais mesmo que pouco explorado. E explorar é de meu agrado.
Cada corpo, com sua peculiaridade, atravessando na intimidade uma ponte segura para descifrar essa fabulosa obra de arte. Arte que arde o coração de desejo e vontade. Arte que me deixa louco pra mergulhar nos mistérios do seu corpo e desvendar todos os pontos e segredos de seu charme sem igual...

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Comente. Há um mar de pensamentos e você pode pescar um peixe que ninguém mais conhece. Assim são as palavras no mar do Umikizu!