Na mira!

Pense sobre a incontável quantidade de ações que você executa no dia a dia.
Agora pergunte-se: todas elas são necessárias? Todas elas são agradáveis? Tem alguma que você pode eliminar, ou talvez, até deva eliminar?
Mesmo que essa seja uma reflexão um pouco extensa e entediante, eu sugiro que a faça sem se preocupar com o tempo que ela vai levar, durante o seu dia simplesmente repare a quantidade de coisas e até mesmo situações que você poderia evitar fazendo uma faxina na sua rotina e quebrando a barra do conforto que é repetir e refazer algo que está acostumado porém, não te traz mais os mesmos benefícios.

E é sobre isso mesmo que você realmente deve pensar e analisar no seu modo de vida, a sua "zona de conforto" tão famigerada e comentada.
Vamos primeiro aos fatos:
- Se fizer sempre as mesmas coisas, muito provável que não terá novidades ou melhorias nos seus projetos, trabalho e casa.
- Zona de conforto não é a mesma coisa que rotina.
- Rotina é necessária para ajudar o nosso cérebro a focar nas atividades complexas, mas temos que ter um dia pelo menos para a quebra da rotina. Sem uma lubrificada nas engrenagens, quebrando a rotina para relaxar e dar um desafio ao corpo e à mente, sobrecarregamos nosso sistema.
- A diferença entre rotina e disciplina é o que vai te salvar da zona de conforto.

Então trocando em miúdos:
Rotina: repetição mecânica de ações ou responsabilidades do dia a dia, apego ao uso geral, sem nenhum interesse pelo progresso.
Disciplina: foco em ações e boas práticas/regras que auxiliam na realização das tarefas e aprendizado para que se atinja um objetivo. Organização e administração do tempo e das ações que levam a um determinado fim.

Sem um foco, a disciplina é impossível, portanto faça um plano e limpe a sua rotina para que execute somente as tarefas necessárias para que seu objetivo seja alcançado e, disciplinadamente, siga o roteiro traçado. Durante o caminho dependendo das interferências da vida, seu plano terá que ser adaptado ou talvez ele até mude por completo, não tenha medo dessa mudança, mas continue focado no que deseja e continue a executar os seus planos.
Quebre a rotina aos finais de semana, relaxe! E faça o que ama. Senão não tem graça.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O misterioso Escorpião!

Arte: Fine Art de Vladimir Kush...

Não morrer jamais...