Meia-noite e meia...

Dada meia-noite no relógio
Ainda sentia que faltava algo
Não precisava esperar
Mas entendi que se não me movia
Era porque uma força mandava ficar.

Era a meia, que esperava
A hora do meio da noite
A metade completa
Nem pra lá, nem pra cá.
Exatamente no meio.

Depois de então, parti
Te encontrei e fomos embora
Buscamos a companhia da aurora.

Juntos no meio da noite
Na meia hora escura
Esperando até a outra metade chegar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ensaios Umikizu - um sonho em forma de livro no Catarse!

O misterioso Escorpião!

Arte: Fine Art de Vladimir Kush...