Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2011

Um momento de oração...

Imagem
Hoje fiz uma oração, muito especial, enquanto me libertava de tudo que me aconteceu nos últimos dias, nessas férias que me foram de grande dor e depois de grande alegria.
Quem me conhece sabe, que não sou o mais fervoroso em termos de oração, mas assim como peço respeito do próximo para as divindades e das divindades para comigo, como os respeito, quando estou Zen, Feliz, Tranquilo, me deito nas fraquezas, me entrego ao corpo, mente e espírito e transponho barreiras... E é tão bom, tão humano... libertador!
Foi mais ou menos assim......

"Deuses, sei que fico por muito tempo sem falar com vocês, mas existem dias que estamos inspirados e que isso é problema meu, entendo que vocês não tem nada a ver com os problemas que enfrento, todas as punições que recebo são relacionadas às minhas ações, na verdade à falta de ação, reações do meu Ka e karma. Entendo, nos momentos mais "humanos", quando me lembro de tudo isso e me recordo de que é minha  a falha!

Sobre minhas promessas…

Uma batalha sem problemas...

Imagem
"Uma menina era mantida em cativeiro pelo seu namorado, um rapaz que tinha muitos ciúmes e que tem muitos problemas com ele mesmo... Como a menina é pura, e lhe tirava sempre de seus problemas, ele tinha muito medo de perder seu porto seguro, não por amá-la, mas porque ela o salvava, mesmo que isso significasse que ela ficaria mal...
Para conseguir isso, ele usou de má fé e colocou para ela um vigia que a afastaria de tudo que pudesse levá-la dos seus domínios.
Este vigia era bastante obediente ao seu senhor, e fazia quem quer que tentasse abrir os olhos da menina, tão pura e inocente, que se afastasse e para isso usava de artifícios muito poderosos: lábia afiadíssima, pressão psicológica, usando a própria menina como seu instrumento... Quando mesmo assim ele não conseguia afastar a pessoa, era bastante violento e trevoso!

Quando a menina conheceu o pequeno Príncipe, ele logo percebeu que ela estava presa em uma gaiola, que era usada e que sua força era arrancada. Tentou avisá-l…