Vida, pois a morte é só uma parte dela!

Durante meu curso de Comunicação Digital na faculdade, tive excelentes classes sobre a comunicação nos textos e vários trechos eram trazidos pelos professores por diversos objetivos: avaliar nosso entendimento, a mensagem, se o objetivo foi cumprido, se estava de acordo com o tema proposto, se continha todos os requisitos para ser completa, mesmo que curta, entre outros.

Fui rever alguns desses textos enquanto fazia faxina no meu material.
Encontrei uma que fala sobre vida e sobre morte. E acredito que esta foi uma mensagem satisfatória, contém tudo que é necessário para que haja a perfeita comunicação e passa a sua mensagem, com início, meio e um belíssimo final.
Espero que gostem.

Já tive medo da morte.
Hoje não tenho mais.
O que sinto é uma enorme tristeza.
Concordo com Mário Quintana: "Morrer, que importa? (...)
O diabo é deixar de viver."
A Vida é tão boa!
Não quero ir embora... 
Eram 6 horas. Minha filha me acordou. Ela tinha 3 anos.
Fez-me então a pergunta que eu nunca imaginara:
"Papai, quando você morrer, você vai sentir saudades?"
Emudeci.
Não sabia o que dizer. Ela entendeu e veio em meu socorro:
"Não chore, que eu vou te abraçar..."
Ela, menina de três anos, sabia que a morte é onde mora a saudade. 
Cecília Meireles sentia algo parecido:
"E eu fico a imaginar se depois de muito navegar a algum lugar enfim se chega...
O que será, talvez, até mais triste. Nem barcas nem gaivotas. Apenas sobre humanas companhias...
Com que tristeza o horizonte avisto, aproximado e sem recurso. Que pena a vida ser só isto..." 
Da. Clara era uma velhinha de 95 anos, lá em Minas.
Vivia uma religiosidade mansa, sem culpas ou medos.
Na cama, cega, a filha lhe lia a Bíblia.
De repente, ela fez um gesto, interrompendo a leitura.
O que ela tinha a dizer era infinitamente mais importante:
"Minha filha, sei que minha hora está chegando...
Mas, que pena! A vida é tão boa..."

Comentários

  1. Simples e profundo, os textos para exemplificar foram muito bem escolhidos...o da criança e da idosa são tão nossos que assustam.
    Gostei muito..parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Uia elfo, que lindos textos.
    Discordo Culto, não é de se assustar, é de se maravilhar com estas pessoas, decididas de suas vidas e sentimentos, 'sem medo'! :D

    ResponderExcluir
  3. Obrigado David e Lucas!

    Esses textos falam de forma simples de assuntos tão polêmicos como vida e morte, que a gente nem sente... heheh

    Abraços! `^^´

    ResponderExcluir
  4. Ter medo de morrer é fail XD

    ResponderExcluir
  5. Adorei, parabéns! =)

    A vida é realmente bela... Mas pena que ás vezes algumas pessoas e alguns fatos façam com que a vida pareça mais triste que bonita... E pena que esse mundo está inteiro de ponta cabeça, tentando distorcer os nossos melhores e mais nobres valores...

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comente. Há um mar de pensamentos e você pode pescar um peixe que ninguém mais conhece. Assim são as palavras no mar do Umikizu!

Postagens mais visitadas deste blog

O misterioso Escorpião!

Arte: Fine Art de Vladimir Kush...

Não morrer jamais...