Palavras

Eu queria poder dizer tudo o que penso e tudo o que vocês precisam saber, pois eu acredito que ao passo que a mudança gera caos, o caos também gera mudanças.
Mas não posso...
Não posso porque não quero que vocês, em sua natureza covarde, quando forem pagar pelos seus atos, pelas suas iniciativas bizarras influenciados por minhas palavras e tomados de falsa bravura, apontem para mim o dedo dizendo: Foi ele quem nos disse tudo aquilo!

Vocês, criaturas medíocres e desacostumadas a tomar a iniciativa, não tem a curiosidade de pisar para fora de suas casas e olhar para o seu vizinho. Simplesmente não conseguem, pois sabem que não vão gostar do que vão ver, isso vai te obrigar a pensar.
Mas você é muito ocupado para pensar no que está acontecendo a sua volta! Tem muito o que se preocupar dentro do seu umbigo, onde se couber uma rolha é porque você não tem nem feito exercícios ultimamente...

Portanto, antes de vir tirar satisfações comigo quando descobrirem que eu não lhes contei nada do que vocês não tinham "tempo" para saber, lembrem-se de sua minúscula capacidade de discernimento e aprendam a dar valor ao que o dinheiro não pode comprar!

Comentários

  1. Um dia chamarão seu nome com a mesma devoção que se faz uma prece. Apenas sorria e acene! _o/

    Abrax

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comente. Há um mar de pensamentos e você pode pescar um peixe que ninguém mais conhece. Assim são as palavras no mar do Umikizu!

Postagens mais visitadas deste blog

Ensaios Umikizu - um sonho em forma de livro no Catarse!

O misterioso Escorpião!

Arte: Fine Art de Vladimir Kush...