O porão da alma...

Romanos 7;15 - Porque o que faço não o aprovo; pois o que quero isso não faço, mas o que aborreço isso faço.

O trecho acima foi retirado da carta Paulo aos Romanos. O contexto desse texto é referente a parte de cada ser humano ao qual nenhum mortal jamais conhecerá. No porão da alma a nossa imagem e semelhança.
Não tente pois sozinho não conseguirá controlar.

Como diriam o pessoal do fruto sagrado: "A hora que agente da bobeira o pitbull sai da coleira e começa a detonar"

Aprenda a controlar teus instintos a começar com a lingua, pois "Como maçãs de ouro em salvas de prata é a palavra dita ao tempo oportuno"

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O misterioso Escorpião!

Arte: Fine Art de Vladimir Kush...

Não morrer jamais...