Escolha uma palavra e deixe o Umikizu falar sobre isso...

segunda-feira, 15 de julho de 2019

O que é o Amor?

Alguém, em algum lugar, poderá falar sobre o que é o Amor em palavras simples e que todos possam enfim entender. Estou na busca de ser, eu mesmo, este ser. Iluminados, saibamos e vamos juntos descobrir o que é o Amor?

O que é o Amor?

O Amor é a maior força do universo, a força que nos mantém vivos e que também nos carrega até o próximo plano de realidade após nossa morte, portanto Amor é o começo e é o fim de tudo e todos que existimos aqui e em qualquer lugar que nossa mente seja capaz ou não de imaginar existir.


Para culturas cristãs é simples dizer que Deus é Amor e Amor é Deus manifesto. Deus o Todo Poderoso Criador, não seu filho encarnado Jesus Cristo, que apesar de entender melhor que qualquer outro ser humano encarnado sobre o Amor, não é ele próprio o Amor, apenas uma parte, mesma parte que somos compostos todos nós, seus irmãos.
É importante contar aqui a relação de irmandade que todos nós possuímos através do Amor e da ligação físico-energética com tudo e todos no universo: o Amor de Deus e sua infinita sabedoria e curiosidade dividiu-se para criar do Todo que ele É o tudo que existe no universo. Deus o criador é a energia ou força Amor manifesta em tudo que existe, portanto somos Ele, o computador onde você lê este blog também, celulares também, seu cachorro, a árvore em frente sua casa, o ferro que faz a arma de fogo, os livros em sua estante, a cachoeira lá em Foz do Iguaçu, o terremoto e a terra que ele move, os vulcões em erupção e os dormindo, o planeta todo, o Sol, as galáxias vizinhas e as mais distantes. Tudo e tudo mais é Deus manifesto em Amor, dividido para que tudo e todos possamos ter experiências por nós mesmos de nossa própria realidade, até que o que aprendermos no decorrer de toda nossa existência seja suficientemente grande para entendermos que somos parte dele e podemos criar nossos próprios mundos e realidades, nós mesmos com Amor e com Deus.

O verdadeiro Ciclo sem Fim, chama-se Amor!
Podemos tirar Deus da equação completamente se você quiser. Como expressões de Amor que somos, criadores e manifestantes do Amor como nosso livre arbítrio nos permite ser, somos nós mesmos Deuses e Deusas de nós mesmos e de nossas realidades.
Por muito tempo eu neguei Deus, pois entendia que era o criador de minha realidade. Neguei por não entender porque o Amor poderia ser cruel comigo e com o mundo, não entendendo o que impedia Deus e o Amor de retirar de vez o mal do mundo, sem entender na verdade que o mal era apenas a expressão das pessoas que vivem no medo. Medo é o contrário do Amor, pois com medo de experimentar ser quem somos, com medo de tornarmo-nos nós mesmos criadores, evitamos o Amor. O medo de sermos nós mesmos os responsáveis por nossa realidade, seja ela boa ou ruim, e que ela pode não se tornar o que queremos é o que nos afasta e impede de entendermos o Amor.
Ironicamente o Amor é a única coisa que nos afasta do medo.

Ao contrário do que muitas religiões e mestres ensinam, o Amor não precisa de absolutamente nada.
Assim sendo, não precisando de nada, nem mesmo para ser manifestado, nem mesmo para que exista, ele já está em nós esperando simplesmente que compreendamos isso e ao fazê-lo nos libertar.
Você não tem que fazer nada ou idolatrar nada nem ninguém. O Amor É. Não precisa ser feito, não precisa acreditar cegamente, não precisa de fé maior que tudo, basta que você permita-se experimentar e ele logo te mostrará o caminho.

Basta que você permita-se experimentar o Amor para que ele torne-se um hábito.
Entenda o Amor, entenda dentro de você que o Amor é quem você é. Busque entender, conhecer e experimentar. Leia mais, converse com os amigos sobre o Amor e sobre o que eles entendem sobre o Amor. Adicione todos esses conhecimentos aos seus e vá ampliando seu mundo e sua visão e experimentando cada vez mais.

Este é um caminho solitário, pois só você pode encontrar a expressão de Amor que existe dentro de você. Mas ele não precisa ser trilhado sozinho e quanto mais pessoas interessadas em encontrar o Amor estiverem por perto, mais perto vocês todos estarão de encontrá-lo.

Não negue o Amor do outro, nem permita que outra pessoa negue o Amor que você descobriu em você, conversem e compartilhem suas experiências para que ambos possam entender mais sobre o Amor, pois o Amor não é uma única verdade, mas todas as verdades juntas e unidas expressando liberdade e respeito umas pelas outras, em comunhão.

Portanto o Amor é esse gigantesco sistema aberto de verdades, respostas, sincronicidades, estímulos, realidades, frequências, desejos, certezas e incertezas, tudo que está dentro e fora, em cima e embaixo, à esquerda e à direita, tudo junto ao mesmo tempo e tudo separado para que possamos existir. O Amor não se define pois ele está sempre crescendo e aprendendo com o que cada um de nós faz, cria, descobre e propicia ao mundo. E portanto é uma descoberta infinita que nos impulsiona para o futuro através da nossa realidade que é um presente eterno.

Eu sou Allan Lucena
..... Gratitude.....
E Amor!

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Enquantos...

O que tem feito enquanto está por aqui? Já pensou sobre tudo que você é e pode fazer?
Não tudo, nunca tudo. E eu digo sem medos, porque não somos capazes de fazer isso.
Sabemos que nossa mente trabalha com apenas 10% do seu verdadeiro potencial e enquanto isso não somos capazes de imaginar nem mesmo esses 10% do que podemos fazer, de todas as possibilidades da nossa realidade.
Por exemplo: Você sabe que é capaz de viajar para outro estado exatamente agora? O que te impede é que você nunca pensou nisso. Pode pegar um ônibus na rodoviária da sua cidade para qualquer capital interestadual próxima. Não é caro, não é tão distante assim, é apenas simples, fácil e possível. Já pensou nisso? Talvez. Sabia que era tão simples assim? Não, não sabia.

Agora que sabe, o que vai fazer? Continuar aí na frente do computador lendo esse texto, ou vai arriscar a viagem? Talvez, eu aconselho, terminaria de ler o texto e ao final dele abriria os olhos e a imaginação para tantas coisas simples e fáceis que nunca pensou em fazer e que podem mudar o seu dia, seu mood, sua vida!

Estamos nos aproximando de mais um eclipse lunar total no dia 21 de janeiro, além do solar que aconteceu no dia 5 de janeiro, eclipses marcam uma mudança total no ritmo das energias e tem o efeito de 6 meses, ou seja, durante o primeiro semestre de 2019 nossa situação toda pode mudar de cabeça para baixo, ou ao contrário, o que estava de cabeça para baixo agora vai se ajeitar. E quer melhor notícia do que essa?

Junte agora todas as infinitas possibilidades que nosso verdadeiro potencial pode imaginar, conscientemente você agora é capaz de pensar em muito mais atividades para realizar, pode inclusive ter uma epifania para conseguir deslanchar na carreira, uma ideia inovadora para montar o seu próprio negócio, ou descobrir uma forma de viajar mais, conhecer mais e mais lugares nesse mundo incrível em que vivemos e transformar sua realidade. Afinal de contas, o Brasil é enorme e o planeta é apenas uma casca de nós quando estamos resolutos em desbravar seus quatro cantos.

Hoje voltei de uma viagem ao Japão, depois de passar pelo Egito, pela Irlanda e Escócia também. Um pouco na minha imaginação, um pouco através de livros e documentários na televisão, outra forma foi visitar a Liberdade lá em São Paulo, um pedacinho do Japão por aqui mesmo. Existe porquê limitar suas possibilidades? Não. Aproveite!

Enquanto você estiver aqui parado, não conseguirá aproveitar tudo que pode ser, fazer e conseguir enquanto habita este corpo, este planeta Terra. Agradeça por essa oportunidade e busque fazer dessa experiência única múltiplos aprendizados, vivenciando tudo e mais um pouco. Seja vivo enquanto você está vivendo. Viva e ame cada vez mais estar vivo.


Conheça mais sobre o ThetaHealing® e descubra como aproveitar 100% do seu potencial.
Agende uma sessão: (19) 99661-3943

segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

A cura através do Amor Incondicional...

Em meados de 1995, nascia nos Estados Unidos uma técnica de cura energética ensinada e totalmente baseada no Amor Incondicional, o ThetaHealing ®. Vianna Stibal foi curada de um câncer no sistema linfático, instantaneamente, usando essa técnica nela mesma. Porém este era só o começo da sua criação e aperfeiçoamento, já que Vianna trabalhava com leitura intuitiva e naturopatia a muitos anos e essas técnicas, assim como o ThetaHealing, agem de formas diferentes em cada pessoa.

Theta é uma das ondas que nosso cérebro emite, especificamente quando estamos em um estado de profundo relaxamento, estado este em que conseguimos nos lembrar dos nossos sonhos, mas também é nestas ondas theta do cérebro que os hipnotizadores conseguem fazer mudanças em nosso subconsciente.
O ThetaHealing porém, utiliza a técnica e as ondas theta para nos ligar com a Fonte de tudo o que é, o Criador ou Deus, independente de qual religião você siga ou qual deidade mais identifique-se, onde o Criador realiza a cura e o terapeuta é apenas testemunha de que a cura ocorreu, de forma instantânea e perfeita. E o principal fator é que cada cura, cada comando, é realizado somente após o consentimento do participante, respeitando as leis universais e o livre arbítrio de cada um.

O Criador e todo nosso universo é formado pelo Amor Incondicional e por isso o ThetaHealing é uma técnica segura, capaz de realizar curas instantaneamente de qualquer doença ou fazer a reprogramação de crenças limitantes que impeçam seu perfeito desempenho na vida.

Entre em contato para agendar uma sessão de ThetaHealing (19) 99661-3943.


sexta-feira, 28 de dezembro de 2018

Aproveite a Lua Minguante! Feliz 2019

Muito está sendo dito sobre a virada de 2018 para 2019 acontecer durante uma lua minguante, mas tenho visto também muitas pessoas já desfazendo as confusões e dizendo o que realmente precisamos saber:

Aproveite essa Lunação!

Passamos por todas as fases da lua todos os meses e cada uma delas tem sua importância. A fase minguante nos presenteia com mais uma oportunidade de renovação, permita usar essa energia para finalizar tudo que o ano de 2018 trouxe e que não quer levar para 2019. A fase minguante é o ciclo final da lua e nos convida também para refletir sobre tudo o que aconteceu nos outros períodos, avaliando os resultados e então finalizamos nossas ações e podemos ver com clareza o que foi bom, o que não deu certo e o que podemos melhorar.

Por isso, aproveite muito essa energia para refletir sobre 2018, entender o que aconteceu que foi positivo e agradecer por isso, compreender e perdoar o que não deu certo e decidir novas metas, plantar novas sementes nesse ano que está começando bem mais limpo e iluminado. Essa é mais uma vez a afirmação do universo de que temos o poder de criar nossa realidade para o ano de 2019.

Aproveite, aproveite, aproveite!

Grande abraço e muita Luz para este novo ciclo.